10/05/2016
Basf é líder pelo segundo ano e Petrobras sai do ranking das empresas mais valiosas da indústria química
Companhia foi lembrada pelos seus stakeholders em pesquisa realizada pela DOM Strategy Partners, que mensurou grau de inovação e de sustentabilidade como pontos principais
Lubgrax

A indústria química, que envolve a produção de produtos químicos industriais como petroquímica e agroquímica, foi colocada a prova mais vez pela consultoria 100% nacional DOM Strategy Partners com o objetivo de avaliar às suas performances nos ativos tangíveis e intangíveis, selecionados como direcionadores de geração e/ou proteção de valor pelas empresas. Em sua terceira edição o ranking Mais Valor Produzido (MVP) – Agro/Química e Petroquímica 2016, foi criado pela DOM com o intuito de mostrar ao mercado a capacidade das empresas destes setores em gerarem e protegere valor não apenas para si, mas também para seus clientes, consumidores, acionistas, funcionários e sociedade.

A DOM ouviu as maiores empresas do segmento, após recortes dos anuários da Exame e Valor 1000, e mensurou ativos como Eficácia da Estratégia Corporativa, Resultados Gerados, Crescimento Evolutivo, Valor das Marcas, Qualidade de Relacionamento com Clientes, Governança Corporativa, Sustentabilidade, Gestão de Talentos, Cultura Corporativa, Inovação, Conhecimento, Grau de Transformação e Uso das Tecnologias Digitais, dentre outros.

Medido de 0 a 10, a liderança deste ano continua com a Basf, que atingiu a mesma nota do ano passado, que é de 8,19. A Raízen sobe uma casa em relação a 2015 e tira o lugar ocupado pela Braskem, ficando na segunda posição com a pontuação de 8,16. A 3M estreia no ranking com a nota 8,11. Quarta colocada no ranking do ano passado, a DOW mantém a mesma posição e a mesma nota de 7,91. A novidade fica por conta da Bunge que entrou no lugar da Petrobras, líder no primeiro ranking em 2014, com a nota 7,88.

A resposta sobre capacidade de cada empresa gerar e proteger valor para si e para esses públicos foi feita a partir da quantificação das quatro dimensões que definem o Valor Corporativo de uma companhia: Resultados, Reputação (definida como Credibilidade/Imagem), Competitividade e Riscos.

“A definição de valor varia de segmento para segmento. No caso da indústria química, inovação e sustentabilidade nortearam os resultados do ranking neste ano.”, explica Daniel Domeneghetti, autor da pesquisa e CEO da Dom Strategy Partners.

Veja o quadro comparativo da pontuação deste ano com o ranking 2015.

 

Agro, Química e Petroquímica 2016

Nota

BASF

8,19

Raizen

8,16

3M

8,11

DOW

7,91

Bunge

7,88

Agro, Química e Petroquímica  2015

Nota

BASF

8,19

Braskem

8,16

Raizen

8,01

DOW

7,91

Petrobras

7,88

Sobre a DOM Strategy Partners

A DOM Strategy Partners é a primeira consultoria focada em estratégia corporativa, 100% nacional. Pertencente à Holding ECC, também proprietária da E-Consulting Corp., a empresa oferta em seu portfólio de serviços profissionais práticas e metodologias como planejamento estratégico corporativo, gestão de ativos intangíveis, gestão do conhecimento e da inovação, inteligência competitiva e estratégia de marketing. A DOM desenvolve seus projetos e soluções a partir de metodologias proprietárias, criadas em seus três centros de pesquisas e estudos (SRC – Estratégia e Negócios, TechLab – Tecnologia e Processos, XPLab – Comunicação e Marketing), associadas a metodologias golden standard de mercado. Com cerca de 20 consultores com vasta experiência em empresas de consultoria internacional e bancos de investimento, a DOM trabalha somente com clientes preferenciais e atendimento personalizado, garantindo assim perfomance superior e foco centrado em resultados comprovados.

Fonte: IMAGE Comunicação

Copyright © Sellcomm Editora - Todos os direitos reservados
Receba nossa Newsletter
enviar